As 7 cidades mais românticas da Itália: como e quando ir

Pensando em visitar as cidades mais românticas da Itália para uma possível lua de mel, férias romântica ou, quem sabe, apenas uma viagem com belas paisagens, experiências culturais e excelente gastronomia?

Hoje vou te mostrar os 7 melhores destinos do país, pois recentemente a Itália foi citada como um dos lugares mais românticos do mundo pela revista de prestígio Culture Trip.

Além de te mostrar quais são as cidades mais românticas da Itália, vou te dar informações úteis sobre quando ir, quantos dias ficar, como chegar e onde se hospedar.

Assim você planeja a sua viagem com mais informação e nós te ajudamos com o que você precisa.

Beleza de Veneza
Gôndolas em paisagem romântica de Veneza

O que é necessário para ser considerado um destino romântico na Itália

Entre as experiências preferidas daqueles que buscam o romance na Itália estão:

  • paisagens de tirar o fôlego, que mesclam a bonita natureza do país e a arquitetura rústica.
  • ruelas e becos charmosos, onde sentimos o aroma da pasta fresca de restaurantes e o tilintar das taças de vinhos.
  • o alto nível dos hotéis, que convidam os casais para experiências únicas de luxo (mas nem sempre cobrando preços exorbitantes).

Basicamente, os casais querem vivenciar experiências únicas de viagem, com uma boa pasta na mesa e uma taça de vinho local.

Mar Meditterãneo na Ilha de Capri
Ilha de Capri e o cristalino Mar Meditterâneo

Lugares românticos do norte ao sul da Itália

De norte a sul, você poderá escolher os melhores destinos para visitar e adicionar os seus preferidos em seu roteiro.

Lembro apenas que as distâncias não são tão grandes na Itália. Desta forma, dá para considerar várias cidades diferentes, em uma mesma viagem.

Região do Vêneto

Na região nordeste da Itália estão duas preciosidades para os românticos: Veneza (tradicional, curiosa e intensa) e Verona (leve, histórica e apaixonante).

Cidades do Veneto
Distância entre as cidades mais românticas do Veneto: Veneza e Verona (Google Maps)

1) Veneza

Porque é romântica: Veneza, na minha opinião, é um dos lugares mais encantadores do planeta, porque tem um estilo de vida absolutamente diferente de qualquer outra cidade que se possa visitar.

Você sabia que o seguro viagem é obrigatório na Itália? 

Evite problemas com as autoridades e viaje com tranquilidade. Escolha agora a melhor opção de seguro viagem para você, por um custo bem baixo por dia e garanta um excelente desconto com o cupom ARESDOMUNDO.

Seguro Viagem: Europa
GTA 75 EUROMAX GTA 75 EUROMAX Assistência médica USD 75.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 27/dia*
Intermac EUROPROMO 40 (Exceto EUA) Intermac EUROPROMO 40 (Exceto EUA) Assistência médica EUR 40.000 Bagagem extraviada EUR 500 (SUPLEMENTAR) R$ 20/dia*
TA 100 MUNDO (exceto EUA) TA 100 MUNDO (exceto EUA) Assistência médica USD 100.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 25/dia*

Imagina que a vida de um veneziano é toda feita de barco.

Para ir ao trabalho, ele pega um ônibus aquático. Para a coleta de lixo, um barco para em frente à porta da sua residência. Se ele passar mal, um barco ambulância vai buscá-lo. Essa é a vida dele!

Como é Veneza
Veneza e a vida sobre as águas

As residências, edifícios históricos e monumentos fazem com que a cidade seja um museu a céu aberto.

Além das gôndolas, onde os gondoleiros nos levam para passear cantarolando músicas tradicionais italianas, pontes separam 118 ilhas.

De fato, se não fosse tão especial, não receberia aproximadamente 50 mil turistas diariamente.

Nível de romance: 10

Quando visitar: recomendo evitar durante o inverno, pois chove bastante e muitos pontos da cidade são inundados.

Quantos dias ficar: 3 dias

Como chegar: de avião. Veneza tem o aeroporto internacional de Marco Polo, que é grande e recebe voos de vários lugares da Europa e da América.

Do Brasil, não há voos diretos para o destino, contudo, há excelentes opções de voos com pequenas escalas, saindo de São Paulo ou Rio de Janeiro. A escala costuma ser feita em Milão ou Roma, no caso.

Se estiver em outra cidade italiana, pense em visitar Veneza de trem (e não de carro). Porque a parte acessível de carro (Mestre) não é turística.

Onde se hospedar: recomendo o Hotel Sofitel Pappadopoli.

Ele tem uma ótima localização e fica atrás do jardim onde foi gravado o encontro dos personagens Atílio (Antônio Fagundes) e Helena (Regina Duarte), da novela Por Amor, rs.

Tem quartos com banheira e vista para o canal, inclusive. Fica bem perto da Praça São Marcos. 

2) Verona

Porque é romântica: a apenas 115 km de Veneza está a cidade que inspirou Shakespeare na criação de Romeu e Julieta.

Lá é possível visitar, com um guia local, a casa da Julieta, bem como a sua tumba, além do maravilhoso anfiteatro Arena di Verona, onde ocorrem as óperas a céu aberto na Itália e o castelo medieval Castel Vecchio (que já foi dominado por Napoleão Bonaparte).

Vista panorâmica de Verona
Vista panorâmica de Verona, a cidade de Romeu e Julieta

Nível de romance: 10

Quando visitar: pode ir em qualquer época do ano, mas os shows na Arena di Verona acontecem apenas durante o verão europeu.

Mas não esqueça que, durante o inverno, também tem carnaval na Itália e é muito bacana o de Verona.

Quantos dias ficar: 2 dias

Como chegar: se você estiver em qualquer ponto da Itália ou em Veneza, alugue um carro para ir até Verona, pois é a melhor forma.

A cidade tem um aeroporto, cujo nome é Valério Catullo (também conhecido como Villafranca) e também uma estação de trem, mas não são tão pertos do centro da cidade.

Vale a pena alugar um carro pela comodidade e valor mesmo, porque não é caro no país (pelo menos não nesta empresa que indico no artigo).

Onde se hospedar: recomendo o Hotel Gabbia D’Oro, que fica na Piazza delle Erbe, um lugar charmosíssimo de Verona!

O hotel fica em um prédio histórico do século XVIII e, além dos móveis de época, tem afrescos e pinturas – a cara de Verona.

Região da Lombardia

Na parte norte da Itália, na região mais rica do país, estão locais perfeitos para os casais apaixonados:

Lago di Como (pitoresco, fino e naturalmente bonito) e Bérgamo (cidade curiosa, gastronômica e histórica).

Mapa da Lombardia
Distância das cidades mais românticas da Lombardia (Google Maps)

3) Bérgamo

Porque é romântica: o que falar sobre a cidade de dois andares, bem pertinho de Milão (50 km)?

No primeiro andar, vemos um lugar vibrante, tão moderno que nos lembra Milão. Já no segundo andar, uma cidade medieval, que ficou parada no tempo.

Bérgamo encanta pela experiência de conhecer uma cidade tão diferente da Itália, pelas ruas medievais, onde é uma delícia passear de mãos dadas e pelos doces.

De verdade, um dos melhores lugares para degustar sobremesas desta região da Itália.

Igreja em Bérgamo
Cidade Alta de Bérgamo, as belezas medievais

Nota de romance: 8.5

Quando visitar: em qualquer época do ano. A cidade tem estilo urbano, pela proximidade de Milão.

Como chegar: de Milão, vá de trem.

Mas você também pode ir de carro, se estiver indo para outras cidades da Itália posteriormente, ou de avião, pois tem um aeroporto bem próximo do centro de Bérgamo, chamado de Orio al Serio.

Quantos dias ficar: 2 dias

Não fique sem internet de qualidade na Itália e nem pague pelos altos custos de roaming internacional!

Compre seu chip internacional de celular para a Itália e receba em casa já programado, antes mesmo de viajar.

Assim você pode contar com internet e telefone no destino, sem se preocupar com qualidade ou os valores abusivos de roaming internacional.

USE O CUPOM DE DESCONTO “PROMO10” E GARANTA O SEU CHIP INTERNACIONAL COM O MELHOR CUSTO-BENEFÍCIO.

Se você for à cidade, não deixe de conhecer, a 50 km, o Lago di Como (próximo destino romântico).

Onde se hospedar: ficamos no tradicional Hotel Cappello D’Oro e adoramos a experiência, pois o hotel fica no primeiro andar da cidade, mas muito próximo do teleférico que acessa a parte alta.

O estabelecimento não é luxuoso, mas garante noites tranquilas, tem um café da manhã excelente e um atendimento excepcional. Vale a pena!

4) Lago di Como

Porque é romântica: a primeira vez que estive no Lago di Como foi em 2011, quando resolvi fazer um tour para uma outlet da Suíça, que saia de Milão.

Quando vi aquela beleza toda já da estrada, logo falei: “Meu Deus, que lugar é esse?” E então resolvi fazer uma parada na volta.

A paisagem é tão bonita, que até George Clooney comprou uma casa no destino.

No local, recomendo fazer um passeio de barco pelos diferentes pontos do Lago e aproveitar a farta gastronomia local.

Lago di Como
Paisagem romântica do Lago di Como

Aliais, vá ao restaurante La Terranza, do Grand Hotel Tremezzo.

Uma comida deliciosa e uma vista que é capaz de “garantir promessas de amor por pelo menos mais 10 anos de relacionamento” (risos).

Nível de romance: 10

Quando visitar: vá durante a primavera ou verão. Durante o inverno, a neblina ou a neve podem esconder a beleza do lugar.

Quantos dias ficar: 2 dias

Como chegar: do aeroporto de Malpensa, em Milão, alugue um carro, pois fica a apenas 130 km.

Você também pode contratar um passeio saindo de Milão, se não quiser se hospedar ou dirigir na Itália.

Se você estiver vindo dos lados de Veneza ou Verona, não se preocupe também, pois a distância pode ser de no máximo 300 km, de carro.

Dá também para ir de trem até Milão e pegar um transporte até o Lago di Como, mas, sinceramente, evite possíveis perrengues, contrate um carro ou tour.

Onde se hospedar: o bam bam bam da cidade é o Grand Hotel Tremezzo – local que lhe indiquei um restaurante acima. É espetacular e vale cada centavo da hospedagem.

Contudo, o Villa Plantamone é outra opção 5 estrelas e custa até 70% menos que a primeira opção e tem avaliações altíssimas.

Atenção: não estou comparando os dois estabelecimentos por seus atributos. O meu intuito é apenas sugerir outro hotel de luxo bem avaliado para análise.

Região da Toscana

A Toscana é uma das regiões mais visitadas da Itália, inclusive por casais em lua de mel. Duas fortes recomendações de cidades são:

Florença (tradicional, grande e intensa) e Lucca (medieval, encantadora e inspiradora).

Distância Florença e Lucca
Distância entre as cidades mais românticas da Toscana: Florença e Lucca (Google Maps)

5) Florença

Porque é romântica: pela história, pela beleza e arquitetura.

Florença é uma cidade importante, pois é considerada como o berço do Renascimento na Itália, um dos períodos da história da arte, onde mais tivemos ilustres personagens, como Leonardo da Vinci, Rafael, Donatello, e muitos outros.

Vista panorâmica de Florença durante o fim do dia
Pôr do sol em Florença

Além disso, ela é tão bonita que nem Hitler deixou as suas tropas destruí-la por completo, durante a Segunda Guerra Mundial.

Na cidade há muitos monumentos, edifícios históricos majestosos, como o complexo Duomo de Florença. Além disso, tem um pôr do sol belíssimo. É puro romance!

Nível de romance: 10

Quando visitar: vá para Florença em qualquer estação do ano, contudo, lembre-se que, em Agosto, a cidade fica bem cheia de turistas, por estar mais quente (e por ser o mês de férias preferido dos europeus).

Em Agosto, especificamente, as filas podem incomodar, assim como o volume de gente nas ruas.

Lembre-se que Florença é uma das cidades mais visitadas da Itália e é bastante popular entre casais que viajam de lua de mel para o país.

Quantos dias ficar: 3 dias

Como chegar: a melhor forma de conhecer a região da Toscana é de carro. Contudo, dentro da cidade de Florença, o ideal é a pé, pois no centro histórico não é permitida a entrada de veículos.

Então, alugue um carro para desbravar o melhor da Toscana, mas conte com bons pares de sapatos para caminhar pela cidade 🙂

Onde se hospedar: dois grandes diferenciais do Hotel Bernini Palace, diante de outros estabelecimentos de prestígio em Florença, são: a sua vista para a Catedral de Florença e a decoração com lustres de cristais de Murano.

Por ser perto de tudo, o tempo de deslocamento pode ser evitado e o hotel se compromete com uma estadia tranquila e prazerosa.

6) Lucca

Porque é romântica: Lucca é uma cidade pitoresca e, ao mesmo tempo, intensa e romântica. Como o local não é muito turístico ainda, é possível conhecer a essência da Itália, comer uma boa pasta, sem altos custos.

Tudo isso diante de um cenário medieval, que teletransporta os casais apaixonados para outros tempos.

Lucca é uma das poucas cidades italianas onde há muralhas preservadas e é um destino de muito valor para quem gosta de arte e música.

Nível de romance: 9

Centro histórico de Lucca
Beleza medieval do centro histórico de Lucca

Quando visitar: em qualquer época do ano, contudo, se for durante o inverno, verifique se não vai chover ou nevar, pois quase 100% do passeio é feito a céu aberto.

Quantos dias ficar: 1 dia

Como chegar: vá pela Via A11, de carro, se partir de Florença (a 78 km).

Como várias outras estradas cruzam nas imediações da cidade, Lucca também pode ser acessada por quem vem de outros pontos da Itália.

A melhor forma de alugar carro na Itália, com garantia de melhor preço e parcelamento em até 12 vezes!

A Rentcars.com compara o preço de veículos de mais de 100 locadoras, em qualquer lugar do mundo, e apresenta os preços em reais.

Ela também disponibiliza a opção de parcelamento em até 12 vezes e sempre que há disponibilidade, oferece benefícios, como: km gratuito, segundo condutor sem custo, upgrade de cortesia, entre outros itens de confortos que tornam a experiência mais prazerosa.

Reserve o seu carro com antecedência e garanta preços melhores que os de lojas de aeroportos e a disponibilidade do veículo do seu interesse.

QUERO ALUGAR O MEU VEÍCULO NA ITÁLIA AGORA MESMO

O aeroporto mais próximo de Lucca é o de Florença. Também é possível ir a Lucca de trem, contudo, precisaria ficar atento aos horários do transporte.

Onde se hospedar: recomendo o Bagni di Pisa, que fica bem perto de Pisa (excelente para quem segue viagem para lá depois).

Ele parece um palácio e pode proporcionar experiências especiais aos casais apaixonados.

Região de Campânia

Popular entre os turistas, principalmente por Nápoles, a região da Campânia abriga alguns dos destinos mais pitorescos da Itália, como a Ilha de Capri e a Costa Amalfitana.

Distância de Nápoles à Capri
Como ir para Capri, destino romântico da Campânia (Google Maps)

7) Ilha de Capri

Porque é romântica: Acho Capri um dos destinos mais incríveis da Itália, pois, além do aroma de limão siciliano que pode ser sentido de vários pontos da ilha, há belas paisagens e excelente gastronomia.

Sabe aquela história do pescador que era encantado pelo canto da sereia?

Dizem que surgiu em Capri e, de fato, deve ser mesmo de lá, porque o mar tem tons que oscilam entre o esmeralda e o turquesa. Fiquei um pouco hipnotizada mesmo com a beleza (risos).

Nível de romance: 10

Paisagem de Capri com relevo ao fundo
Vista de Capri com relevo ao fundo

Quando visitar: a melhor estação do ano para visitar Capri é a primavera, pois a ilha não fica tão cheia de gente e é possível curtir as principais atrações sem filas.

Contudo, no verão também pode ser bacana, pois a água do mar fica mais quentinha para um bom banho de mar.

Quantos dias ficar: 2 dias

Como chegar: Só dá para ir a Capri de barco, pois é uma ilha.

A melhor forma é pegar um ferry boat que sai várias vezes por dia de Nápoles ou contratar um tour de algumas das cidades da Costa Amalfitana, que permitem o acesso à ilha.

Aliás, vale a pena conhecer Positano e outras cidades da Costa Amalfitana, pois também podem oferecer experiências muito especiais aos visitantes.

Onde se hospedar: o Relais Maresca é uma excelente opção para quem deseja conforto, além de estar em uma ótima localização.

O estabelecimento fica a apenas alguns passos da principal atração de Capri – o tour de barco e também é de fácil acesso aos melhores restaurantes e ruas comerciais da ilha.

Do meu quarto era possível ver até o vulcão Vesúvio. Foi realmente especial a experiência!

Espero que você tenha gostado destas dicas de destinos para um roteiro românticos na Itália.

Caso tenha alguma dúvida ou queira compartilhar a sua experiência viajando pela Itália, escreva no campo de comentários abaixo. Logo mais a gente te responde. 🙂

Também recomendo na Itália

Museu do Vaticano e Capela Sistina: dicas e ingressos

Lido de Veneza: como é a praia, como ir e dicas úteis

Roma e Vaticano: atrações, hospedagem e dicas de segurança

Tour para Pompeia, de Roma ou Nápoles: vale a pena?

O que fazer em Nápoles: top 13 das atrações e pizza

Visto para Europa 2022: regras para brasileiros, ETIAS e dicas

O que fazer em Milão, onde dormir e fazer compras

Burano, Murano e Torcello: como ir de Veneza e o que fazer

Onde ficar em Milão: 5 hotéis que vão te surpreender

Como planejar a viagem à Europa: 7 melhores empresas

O quê falta para a sua viagem?

Deixe o seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários

  1. Avatar
    27/09/2019

    A Itália é toda linda… mas com certeza Veneza é a capital do amor…. Obrigado pelas dicas…ainda voltarei um dia….

    • Leda De Luca
      30/09/2019

      OI Rafael, como vai? Fico feliz que tenha gostado do post. A Itália é muito especial mesmo e Veneza é única!
      Conte com a gente quando quiser retornar ao país. Este é um dos destinos que somos especialistas e com certeza podemos te ajudar na realização da viagem perfeita.

      Boa semana! 🙂