O que fazer na Toscana: as 15 atrações mais fabulosas

O que fazer na Toscana nem sempre é uma questão fácil de responder, pois esta é uma das regiões mais turísticas da Itália e o número de atrações é muito grande.

Entre os pontos turísticos mais famosos e aqueles que só quem mora na Itália conhece, separei os 15 mais fabulosos para você conhecer e dizer no final “valeu a pena”.

O que fazer na Toscana: as 15 atrações mais fabulosas

1) A vinícola de Mona Lisa, de Leonardo da Vinci

A propriedade com mais de 7 séculos de história, localizada entre Florença e Siena, é conhecida localmente como “a casa da família de Monalisa” (aquela mesmo da famosa obra de Leonardo da Vinci).

Há pessoas, inclusive, que dizem que o quadro foi pintado na região, pela semelhança das pinceladas do fundo do quadro com a paisagem.

Mona lisa Toscana
Semelhanças do fundo do quadro de Mona Lisa com a paisagem típica da Toscana

Mesmo sendo algo não comprovado, este é um dos melhores lugares da Toscana para se ter uma autêntica experiência envolvendo história, beleza natural, mistério e alta gastronomia.

o que fazer na Toscana
A conhecida como “Casa da Mona Lisa”, na Toscana (divulgação)

Além disso, também é possível comprar o vinho tradicional da Toscana, conhecido como Chianti, azeites aromáticos, pastas e geleias artesanais e até se hospedar no lugar (por cerca de 150 euros, para 2 pessoas).

Endereço: Villa Vignamaggio, Petriolo, 5, 50022, Greve in Chianti, FL

2) As impressionantes muralhas de Lucca

A cidade de Lucca é um dos destinos medievais mais encantadores da Toscana.

O território, que fazia parte da República Romana, tem os seus primeiros registros no ano de 218 a.C e é considerado como Patrimônio Mundial da Humanidade, pela UNESCO.

Um dos lugares mais deslumbrantes da cidade é as suas muralhas. 

Elas foram construídas entre 1504 e 1645, com o objetivo de proteger a pequena cidade e, hoje, muitos habitantes se exercitam ou fazem pic-nic no local.

Muralhas de Lucca
Muralhas de Lucca, o local perfeito para praticar esportes, descansar ou fazer pic-nic

Quando visitei a cidade, tive a impressão de ter sido “tele transportada para outros tempos”. 

E foi até bom fazer um tour por Lucca, porque consegui fugir da multidão de turistas de Florença.

Ótima rota de fuga (risos) e uma excelente sugestão.

3) Tour de Fiat 500 por Chianti, “a rota dos vinhos” e as belas estradas da Toscana

Quer uma experiência original na Itália?

Então, faça o tour por Chianti, a “rota dos vinhos” pelas estradas da Toscana, com um dos veículos mais icônicos do país, o Fiat 500.

estradas da toscana
Percorrer as estradas da Toscana com Fiat 500 é uma experiência bastante original

O tour sai de San Gimignano, dura 7 horas e meia e está incluído gasolina, seguro e impostos.

Além das inclusões acima, há um almoço com degustação de vinhos, em uma das adegas da rota dos vinhos.

Caso não esteja em San Gimignano ou deseje conhecer Chianti e as estradas da Toscana por conta própria, alugue um veículo

Neste caso, como referência, procure a estrada SR222.

 

4) Aprendendo a cozinhar em Florença

Se você é dessas pessoas que gostam de cozinhar, impressionar amigos e familiares com criações gastronômicas, Florença é um dos melhores lugares da Toscana para desenvolver novas habilidades.

No coração da Toscana, há várias aulas para diferentes iguarias, de pastas a doces típicos italianos.

Veja abaixo algumas das melhores aulas para contratar:

  • Aula de pizza e gelato italiano

Em 3 horas de tour gastronômico e meia, você aprenderá a fazer uma autêntica pizza e sorvete italiano, com um chef profissional.

O preço da experiência, por pessoa, é de 59 euros e inclusive é recomendada para quem pretender abrir um negócio voltado para gastronomia no Brasil.

Aula de pizza em florença
É possível aprender a fazer pizza em Florença
  • Curso de culinária toscana, com visitação ao mercado de Florença

Do mercado histórico à cozinha.

Esta é a proposta do curso de culinária, onde um chef-guia ensinará os segredos da cozinha toscana.

A experiência dura 5 horas e custa 75 euros por pessoa.

mercado na toscana
Compra de ingredientes e aula de culinária toscana

5) Ópera dos Três Tenores na Ponte Vecchio

Em Florença também é possível reviver a ópera dos Três tenores (Luciano Pavarotti, Plácido Domingo e José Carreras), no auditório da igreja de Santo Stefano al Ponte Vecchio.

Durante a apresentação, que conta com orquestra de bandolim, piano e contrabaixo, você poderá escutar as clássicas óperas italianas La Traviata, Tosca e Rigoletto.

Se a música conecta, a ópera fará você sentir a alma da Itália. Uma experiência única, sem dúvida!

Ingressos devem ser reservados com antecedência. Eles custam cerca de 35 euros por pessoa.

Intérpretes de Os Três Tenores
Intérpretes de Os Três Tenores (divulgação)

6) Dia de rainha em um Castelo

Você sabia que na Toscana há lindos castelos para se hospedar?

Há vários tipos de castelos, dos mais rústicos aos mais modernos, mas vou aqui realçar um dos meus preferidos, em termo de experiência percebida.

O Castello di Gargonza, construído no século XII, foi o local onde o poeta Dante Alighieri foi exilado.

Seus quartos preservam as memórias dos anos de construção, mas também há piscina, um jardim bem cuidado e uma vista esplendorosa da Toscana. 

O que fazer na Toscana
Castello di Gargonza é uma excelente sugestão para conhecer na Toscana (divulgação)

O valor da diária para 2 pessoas, com café da manhã italiano custa cerca de 150 euros.

Endereço: Gargonza, 52048, Monte San Savino, Itália.

7) Já ouviu falar em Massa Marittima?

Por causa do sucesso de Florença, Siena e Pisa, muitas vezes Massa Marittima nem é mencionado por sites, quando é buscado o que fazer na Toscana.

Mas e um lugar incrível para conhecer, na província de Grosseto, na parte sul da Toscana.

A cidadezinha, com menos de 9 mil habitantes, fica no topo de uma montanha e, ao meu ver, é perfeito para se apaixonar de vez pela Toscana.

População de jeito simples, ruas estreitas e cheias de casinhas históricas, um comércio artesanal forte e aquela comida perfeita, sem os preços abusivos de outras regiões populares da Itália. 

foto massa marittima
As ruelas apaixonantes de Massa Marittima

8) Palácios da Família Médici

A família Médici foi uma das mais populares da Itália e uma das mais ricas da Europa, séculos atrás.

Juntamente com outras famílias, eles foram responsáveis por evidenciar o Renascimento Italiano, um dos períodos da arte mais marcantes do mundo.

A visita aos seus palácios do século XV contempla o tour pela Villa Medicea La Petraia e o passeio pelos jardins da Villa Castellano, lugares deslumbrantes, repletos de requinte e história da arte.

o que fazer na toscana
Palácio da Família Médici (divulgação)

O lugar é tão importante, que é registrado pela Unesco como Patrimônio da Humanidade.

Ingressos por cerca de 35 euros, por pessoa, com audioguia e transporte incluído.

9) A praia da Toscana

A maioria das pessoas nem imagina que pode haver praia na Toscana, porque buscam muito o que é turístico na região, mas os italianos sabem que existe um mar bem pertinho para apreciar, risos.

Viareggio fica a 101 km de Florença, pela Via A11/E76.

Viareggio toscana
Tem praia na Toscana, sim!

A cidade fica às margens do Mar Tirreno e, apesar do mar gelado, durante o verão é uma ótima opção do que fazer na Toscana.

No inverno, dependendo da época, o destino também pode ser atrativo, já que se comemora o divertido carnaval italiano.

10) Vampiros de Montepulciano 

Montepulciano é uma das cidades medievais mais visitadas da Toscana, tanto pelos vinhos, quanto pelas experiências pitorescas proporcionadas.

Na pequena cidade italiana, há um tour da saga Crepúsculo, que tem como proposta percorrer os cenários do filme Lua Nova. 

Durante o passeio, por exemplo, é possível conhecer o lar do clã Volturi (os vampiros mais poderosos da Itália) e fazer uma rota da Bella Swan, pela cidade do século IV a.C, passando pela Piazza delle Erbe e igreja de São Francisco.

O tour que é concluido com um drink “vampiresco” custa 35 euros, por pessoa.

foto de Montepulciano
Cidade de Montepulciano

11) Degustação do Brunello di Montalcino

Não confunda Montepulciano com Montalcino.

Apesar de Montalcino ficar a apenas 34 km de carro de Montepulciano, o que você precisa saber sobre o primeiro destino é que ele é referência em vinho.

Comprar vinho na toscana
O vinho é um dos legados da Toscana

E não é em qualquer vinho, não. É no Brunello, um dos mais prestigiados da Itália e da Europa.

Na cidade de Montalcino é possível visitar as 3 vinícolas de Brunello e fazer ótimas compras da bebida, acessórios para vinhos e até souvenirs.

O tour guiado, que sai de Siena, tem duração de 8 horas e custa 150 euros por pessoa (incluindo almoço e transporte).

Viva o melhor da Itália em apenas 5 dias!

Conheça as emblemáticas cidades de: Florença, Assis, Siena, Pádua, Montepulciano, Pádua e Veneza!

O pacote garante:

  • Transporte entre as cidades, a partir de Roma
  • Guia em português e outros idiomas
  • 4 noites em hotéis de nível superior
  • 2 almoços e 2 jantares
  • Ingresso para alguns monumentos

Você só precisaria comprar as suas passagens do Brasil para Roma, pagar as bebidas ao longo da viagem e as taxas turísticas dos hotéis, que variam entre 1 e 5 euros, por pessoa.

Preço do pacote completo: a partir de 675 euros! Menores de 7 anos não pagam nada.

QUERO SABER MAIS SOBRE O PACOTE PARA A ITÁLIA

pacote de viagem a itália
Vista panorâmica de Florença

12) A curiosa Torre de Pisa

A cidade de Pisa é um dos lugares mais visitados na Toscana, porque a sua torre torta de mármore e um pouco mais de 55 metros, de fato, é muito curiosa e merece ser conhecida.

O que fazer na Toscana
A Torre de Pisa é uma das atrações mais visitadas da Toscana

O que você talvez não saiba sobre a Torre de Pisa:

  • Ela foi construída entre o século de XII e XIV, ou seja, demorou 2 séculos para ser finalizada.
  • No projeto era para ela ser uma torre reta. Mas, por um erro de engenharia, começou a inclinar logo depois que subiu.
  • O pior de tudo é que tentaram consertar a torre torta, com a adição de novos pavimentos, mas só serviu para a torre mudar a inclinação do norte para o sul.
  • Só em 2008 conseguiram conter o aumento da queda da torre, mas a medida ainda não é tida como definitiva ainda pelos engenheiros. A solução durará apenas 200 anos.

Veja abaixo os ingressos com as melhores relações de custo-benefício:

 

13) Caça às trufas toscanas 

San Miniato é uma pequena comuna italiana, que fica a 47 km do centro de Pisa.

Ela fica no alto de uma montanha e, somente pela vista, já valeria a pena a visita.

O diferencial da cidade, contudo, não é a paisagem, mas sim o que guarda embaixo da terra: as suas preciosas trufas, onde o quilo chega a custar mais de 3000 euros.

trufa itália
O quilo das trufas italianas pode custar mais de 3000 euros

Na cidade, há vários restaurantes que apresentam pratos com a iguaria, mas também vale a pena se informar no Centro Turístico de San Miniato sobre os tours de caça às trufas nos bosques.

Esses passeios costumam ser guiados por especialistas e cães farejadores.

São bem divertidos e bastante comuns no norte da Itália também.

>>> Veja também! Cidades românticas da Itália: top 7 para 2022!

14) As 14 Torres de San Gimignano

Na Idade Média, as famílias italianas gostavam de demonstrar o seu poder, para outras famílias, por meio da construção de torres.

Quanto mais altas e mais bonitas, maior era o poder da família. 

E assim foi por anos, na Itália…

Com o tempo, foram destruindo as torres, mas, em San Gimignano, ainda é possível ver um pouco desta “briga de egos”.

Dentre as mais de 70 torres que existiam no local, hoje só há 14 delas.

E diferentemente do passado, enchem de encanto as ruelas medievais que fazem com que San Gimignano seja reconhecida como uma das cidades mais bonitas da Toscana.

foto san gimignano
As famosas torres de San Gimignano

 

15) Dos queijos artesanais aos azeites aromáticos

Não poderia falar do último tópico do post “O que fazer na Toscana” sem comida, não é? Risos…

A minha proposta é para você, mais uma vez, sair do perímetro turístico da Toscana e buscar o lado rústico da região.

A fazenda Corzano e Paterno, em Florença, produz alguns apreciados tipos de queijos, como: Marzolino, Pecorino, Blu e Rocco.

onde comprar queijo na toscana
Queijos da fazenda que até parecem sabonetes.

Indo além dos queijos, a fazenda também produz azeite extra virgem, delicioso para comer com pão italiano.

Como experiência, o local não deixa nada a desejar, pois é possível conhecer um pouco do processo de produção e o lugar é muito bonito.

Espero que você tenha gostado das dicas do que fazer na Toscana.

Se você precisar de ajuda com a sua viagem ou quiser comentar algo, fique à vontade!

Logo respondemos 🙂

Também recomendo na Itália

O que fazer em Bérgamo: guia gratuito para 1 ou 2 dias

Tour para Pompeia, de Roma ou Nápoles: vale a pena?

A paz de Positano com o conforto do Hotel Villa Franca

O que fazer em Bolonha, guia com o Mundo da Ferrari

7 Castelos de Nápoles: localização, horário e ticket

Arena de Verona: melhores tours, óperas e dicas

Onde se hospedar na Costa Amalfitana: 5 top hotéis

Veneza de noite: top 7 atrações e dicas

O quê falta para a sua viagem?

Deixe o seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscreva-se na nossa newsletter e ganhe um incrível e-book sobre turismo de luxo!