London Pass: Vale a pena? Como funciona e atrações

O London Pass é o principal passe de atrações de Londres, a capital da Inglaterra.

Com ele é possível ter acesso a 80 atrações, como a Torre de Londres, Tower Bridge, Abadia de Westminster e a Catedral de São Paulo.

London Pass vale a pena
A Tower Bridge é um cartão-postal de Londres

Caso você esteja com dúvida se vale ou não comprar o London Pass, leia este post, pois preparei um pequeno guia com o que você precisa saber sobre o passe.

O quê é o London Pass?

O London Pass é um passe comprado previamente pela internet, que permite conhecer até 80 atrações turísticas de Londres, como a Abadia de Westminster, Torre de Londres, Catedral de São Paulo, Palácio de Kensington e a Tower Bridge.

As principais vantagens são a boa economia nas entradas, em comparação com o valor na bilheteria e a possibilidade de não ter que enfrentar filas em algumas delas.

Vale destacar que também está incluído o famoso ônibus turístico de Londres, um guia com informações básicas sobre a cidade e descontos em algumas lojas e restaurantes.

Como funciona o London Pass

O London Pass é comprado pelo número de dias de interesse a ser utilizado o passe.

Dentre as possibilidades, é possível adquiri-lo por 1, 2, 3 ou 6 dias.

E apesar dos preços serem bastante amistosos, os valores cobrados para adultos e crianças são diferentes.

o que é London Pass
London Pass (divulgação)
Preço do London Pass
  • 1 dia – 62 libras (adultos)/ 41 libras (5 a 14 anos)
  • 2 dias – 86 libras (adultos)/ 53 libras (5 a 14 anos)
  • 3 dias – 98 libras (adultos)/ 66 libras (5 a 14 anos)
  • 6 dias – 134 libras (adultos)/ 86 libras (5 a 14 anos)

Após a compra, você receberá o voucher em seu e-mail.

Como ele é eletrônico, você pode guardá-lo em seu celular ou imprimi-lo para apresentar diretamente nas atrações de seu interesse.

Bastante simples mesmo para usar.

Únicos pontos que recomendo atenção ao adquirir o passe

Data da compra

É preciso comprá-lo com pelo menos 2 dias de antecedência para a sua viagem.

Porque é feita uma confirmação no sistema para a liberação do seu passe.

A partir da primeira utilização, você poderá utilizar o passe de acordo com o número de dias contratados.

Ou seja, se você comprou um passe de 2 dias e o apresentou para entrar no Palácio de Kensington (atração inclusa no passe), às 17:30 horas, do dia 25 de Janeiro de 2022, ele valerá por 48 horas corridas, a partir deste dia e horário.

No caso, o seu passe somente perderá a validade às 17:31 horas, do dia 27 de Janeiro de 2022.

Já reservou o seu hotel em Londres?

Encontre a melhor hospedagem para você em Londres, seja em hotel de luxo, casa de temporada ou apartamento confortável e conte com o suporte de uma empresa séria, sempre pronta para o atendimento, diante de qualquer necessidade.

Use o mapa interativo abaixo, pois nele estão presentes todos os estabelecimentos disponíveis para dormir em Londres e fica fácil de comparar suas localizações e preços.

Booking.com
Validade do passe

Outro ponto de atenção sobre o passe é que ele tem duração de até 24 meses corridos, para a utilização, após a data da compra.

Ou seja, se a primeira atração que você for usar o passe for em 20 de Novembro de 2023 e você comprou o passe no dia 05 de Outubro de 2021, tudo certo, pois ainda está “dentro do período de 24 meses de validade”.

O valor máximo diário

Apesar do London Pass divulgar que oferece acesso ilimitado às atrações do passe, existe um limite de saldo diário para a sua utilização.

  • Passe de 1 dia: £195 adultos e £145 crianças.
  • O de 2 dias: £295 adultos e £195 crianças.
  • Passe de 3 dias: £370 adultos e £245 crianças.
  • O de 6 dias: £625 adultos e £370 crianças.

Este é um ponto de atenção, mas fique tranquilo, pois os valores diários são bem altos e dá para usufruir de bastante atrações do passe.

Lista de atrações incluídas no London Pass

Veja abaixo as atrações incluídas no London Pass (atualizado em 04/12/21), os preços regulares de cada uma na bilheteria (ou seja, sem o London Pass) e em quais seria possível pular filas (com o London Pass).

Atração Valor na bilheteria (em libras)
Torre de Londres 27
Abadia de Westminster 22
Catedral de São Paulo (sem filas) 20
Excursão de ônibus hop on hop off de 1 dia 34
Castelo de Windsor 23
The View from the Shard (aberto até tarde) 32
Palácio de Kensington 20
Palácio de Hampton Court  (sem filas) 24
ZSL London Zoo (sem filas) 27
Shakespeare’s Globe Theatre Tour & Exhibition (sem filas) 17
Churchill War Rooms 22
London Bridge Experience e London Tombs (sem filas) 29
Cruzeiro pelo Rio Tamisa 19
Tower Bridge (sem filas) 10
Royal Mews 12
Royal Albert Hall – visita guiada 14
Royal Observatory Greenwich 16
O Monumento 5
Banqueting House 7
Jewel Tower 6
Wellington Arch 5
Apsley House 12
Benjamin Franklin House 8
Eltham Palace 17
A coleção Wernher na casa do Ranger 8
Museu do Transporte de Londres 18
Museu de Cavalaria Doméstica 8
Museu Charles Dickens 10
Museu dos Guardas 8
Cartoon Museum 7
O Museu Foundling 11
Museu da Ciência – IMAX Theatre 11
Museu do Canal de Londres 5
Museu da Força Aérea Real 3
Museu de Marcas, Embalagem e Publicidade 9
Antigo Teatro Operacional, Museu e Herb Garret 7
Fan Museum 4
Museu Florence Nightingale 8
O Museu Judaico 8
Museu do Brinquedo de Pollock 6
Museu V&A Acesso gratuito às exposições V&A 0
Guia GRATUITO do Museum of London Docklands 0
Keats House 8
O Museu de Água e Vapor de Londres em Kew 11
Museu do Exército Nacional Acesso gratuito a exposições pagas 0
Handel & Hendrix em Londres 10
Freud Museum 9
O Museu Postal Nova Atração! 16
A nova atração Kia Oval! 15
BAPS Shri Swaminarayan Mandir 2
HMS Belfast 16
Jardins Kew (sem filas) 18
Cutty Sark (sem filas) 15
ArcelorMittal Orbit – Vistas do horizonte 13
Chelsea Physic Garden 10
London Wetland Centre 13
Cavernas de Chislehurst 6
Golden Hinde 5
Galeria da Rainha no Palácio de Buckingham 14
Coleção Estorick de Arte Moderna Italiana 8
Wembley Stadium Tour * fechado até 11 de julho devido ao evento especial 22
Tour pela destilaria de gim Beefeater 15
Emirates Stadium Tour 25
Tour do Chelsea FC Stadium 24
Wimbledon Tour Experience & Museum 25
Twickenham Stadium Tours e Museum of Rugby 25
Brit Movie Tours 12
London Bicycle Tour Company Tour de bicicleta 27
Viagem de barco pelo canal de Jason 10
Rock ‘n’ Roll Walking Tour 10
Visitas aos bastidores do Teatro Nacional 10
Museu do Tênis de Wimbledon Lawn 13
Curzon Cinemas (Mayfair, Soho e Bloomsbury) 17
The London Brass Rubbing Centre 5
Bicester Village Shopping Express 28
Tokens de jogo Namco Funscape no valor de 3
London Brass Rubbing Centre 5
Queens Ice and Bowl 15

Atrações imperdíveis de Londres e possíveis de conhecer com o London Pass

  • Abadia de Westminster

Obra-prima dos séculos XIII a XVI, a Abadia de Westminster é a principal Igreja Anglicana, do Reino Unido (religião oficial da Coroa Britânica).

Desde 1066, ela é palco de diversas atividades ligadas à Família Real Britânica.

Nela foram realizadas diversas cerimônias de coroação e casamentos como do Príncipe William e Kate Middleton.

Sem contar que foi o local de sepultamentos de membros da Família Real.

atrações do london pass
Fachada da Abadia de Westminster

Mais de um milhão de pessoas vão ao local todos os anos.

Além de ponto turístico, também há uma igreja em funcionamento, com missas e serviços religiosos diários.

  • Torre de Londres

Também conhecido como Palácio e Fortaleza Real de Sua Majestade da Torre de Londres, este castelo foi erguido em 1078.

O local já funcionou como residência real, fortaleza e prisão.

Atualmente, é um dos monumentos mais procurados pelos turistas que vão a Londres, principalmente por abrigar as famosas joias da cora.

principais pontos turísticos de londres
Entrada das Joias da Coroa, na Torre de Londres

Os outros destaques do local são a Torre Branca, que é o edifício central do complexo, o Palácio Medieval e a Capela de São Pedro.

Na Torre também estão muitos corvos e deles veio uma lenda que os ingleses até hoje sustentam…

… E que explica o motivo de alguns estarem em gaiolas, ou com as asas cortadas.

Segundo a lenda, se os corvos fugissem, a Torre iria cair e isso significaria o fim da monarquia no Reino Unido. 

Para que isso não aconteça, um guarda toma conta dos corvos para evitar uma catástrofe.

Ele é conhecido, inclusive, como Mestre dos Corvos, ou Ravenmaster.

  • Catedral de São Paulo

Primeira igreja cristã da Inglaterra, a Catedral de São Paulo (St Paul’s Cathedral) foi erguida, inicialmente, em 604 D.C.

Porém, ao longo dos anos, até chegar ao seu formato atual, ela passou por diversas alterações.

Catedral de São Paulo em Londres
A Catedral de São Paulo foi o palco do casamento do Príncipe Charles e da Lady Diana

A atual versão é a quinta.

Ela é do século XVII e, assim como a Abadia de Westminster, também é uma igreja anglicana.

Inclusive é a sede do Bispo de Londres.

A sua importância para o Reino Unido é tão grande, que ela foi escolhida para celebrar os 60 anos de reinado das Rainhas Victoria e Elizabeth.

  • Palácio de Kensington

Construído no século XVII, nos arredores de Londres, o Palácio de Kensington é uma residência real, há mais de 300 anos.

O Palácio já abrigou desde William III, até Lady Diana e a Rainha Vitória.

foto Palácio de Kensington
Entrada do Palácio de Kensington

O palácio passou recentemente por uma restauração e hoje conta com um espaço dedicado à Princesa Diana, assim como uma exposição sobre a Rainha Vitória.

Um dos destaques do espaço é o Orangery, uma sala de chá nos jardins do Palácio.

Nele é possível ter uma autêntica experiência inglesa de chá da tarde

Quer conhecer o Castelo de Windsor, o predileto da Rainha aos finais de semana, além de fazer um passeio por Oxford e Stonehenge, a partir de Londres?

O passeio de cerca de 10 horas, que parte de Londres, considera no seu itinerário:

  • Castelo de Windsor: visitação aos salões internos, além da Capela São Jorge.
  • Stonehenge: ida ao monumento de mais de 5000 anos. Um dos mais famosos da Inglaterra e do mundo.
  • Passeio por Oxford: tour pelas ruas principais da cidade universitária, além da visitação à Biblioteca Bodleiana.

QUERO SABER MAIS SOBRE O TOUR ESPECIAL QUE SAI DE LONDRES

Como é o Castelo de Windsor
Castelo de Windsor
  • Tower Bridge

Um dos principais cartões-postais de Londres, a Tower Bridge é a ponte mais famosa, das 30 sobre o Rio Tâmisa.

Inaugurada em 1894, ela foi construída para atender às necessidades da população da Zona Leste de Londres, mas com um grande desafio, por estar em uma área portuária.

A Tower Bridge foi projetada para abrir a sua área central, para não atrapalhar o fluxo de navios do Tâmisa.

Fato que a fez ser a ponte mais moderna do início do século XX.

principais pontos turísticos london pass
A Tower Bridge é a ponte mais famosa de Londres

Ainda hoje ela abre 4 vezes ao dia, com o auxílio de um sistema hidráulico, que leva aproximadamente 1 minuto.

Por ser bastante famosa, é possível caminhar por ela, sem custo algum.

Porém, caso você queira conhecer a sua estrutura interna e caminhar por uma das suas duas passarelas superiores, vale a pena comprar o London Pass.

Neste caso, você caminhará em uma passarela de vidro, com vista para o Tâmisa, a cerca de 42 metros de altura.

  • Reais Jardins Botânicos de Kew

A cidade de Londres é conhecida mundialmente também por ter diversos parques e jardins.

Entre os principais, vale destacar os Reais Jardins Botânicos de Kew, ou The Royal Botanic Gardens.

Inaugurado em 1759, o Kew foi fundado por membros da realeza britânica e desenvolvido por diversos paisagistas, botânicos e arquitetos.

Atualmente, conta com mais 27 mil espécies de plantas, sendo 14 mil árvores.

Pela sua especialidade, é considerado um Patrimônio Mundial da Unesco, desde 2003.

  • Estádio de Wembley

Casa da Seleção Inglesa de futebol, o Wembley é um dos estádios mais famosos e modernos do mundo.

Inaugurado originalmente em 1923, ele foi reconstruído entre 2003 e 2007.

Hoje recebe até 90 mil pessoas, sendo o segundo maior estádio da Europa, atrás apenas do Camp Nou, em Barcelona.

lista de atrações london pass
Arquibancadas vazias do estádio de Wembley

Além de receber jogos locais, desde a sua reinauguração, ele já foi palco de duas decisões da Liga dos Campeões da Europa 2011 e 2013, das Olimpíadas de 2012 e da Euro 2020.

O estádio também recebeu grandes shows, como Tina Turner, Foo Fighters, Bon Jovi, entre outros.

Ficou com alguma dúvida sobre o London Pass? Escreva para a gente, que logo retornaremos. 

Já se estiver precisando de ajuda para preparar uma viagem sob medida a Londres, não esqueça que podemos ajudá-lo por meio do nosso serviço de travel design.

Também recomendo na Inglaterra

Onde ficar em Londres: melhores bairros e hotéis de luxo

Guia de Londres grátis 2022: TUDO sobre a cidade

5 incríveis castelos da Inglaterra para se hospedar

compartilhe:
Deixe o seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.