Categorias: América do Sul Brasil Destinos Lifestyle Passeios Rio de Janeiro

Porto Maravilha: uma visita obrigatória no Rio de Janeiro

Desde que a região portuária foi revitalizada e o Museu do Amanhã inaugurou oficialmente a região em 2015, muitas famílias cariocas e turistas de todos os lugares do Brasil perambulam ali nos arredores. A mudança realmente é impressionante. Em 2013, estive lá, pois já havia o Museu de Arte do Rio e queria conhecê-lo. Nas imediações, era tudo muito escuro e cheio de contêineres. Com a chegada das Olimpíadas, apareceram as artes de ruas, do famoso Kobra e outros artistas, que cheias de significados encheram de cores as paredes. E para fechar a mudança com chave de ouro, o AquaRio, aquário do Rio De Janeiro. É mesmo tudo tão interessante, que realmente parece outro lugar e uma ‘‘maravilha’’, como diz o nome.

Museu do Amanhã

O prédio foi inspirado na Baía de Guanabara e projetado pelo espanhol Santiago Calatrava. Ele tem como proposta fazer com que o visitante reflita sobre o futuro do nosso planeta, pois vivemos em um período de mudanças climáticas, destruição do meio ambiente e desequilíbrio social.

A arquitetura é muito bonita. A construção futurista com espinhas solares, que se mexem de acordo com as mudanças ambientais, chama a atenção mesmo de longe. Admirá-la por todos os ângulos, bem como dar uma descansada nos bancos laterais, com o visual natural do Rio como pano de fundo é realmente muito agradável. Em uma primeira vista, o tamanho das filas pode assustar. Por isso, para não perder o precioso tempo do seu passeio, recomendo comprar o ingresso e agendar a sua visita com antecedência.

Por dentro, logo nos deparamos com um globo terrestre cheio de projeções futuristas. No segundo andar, se as imensas janelas com bonitas paisagens não te tirarem o foco, invista o seu tempo interagindo com as diferentes atividades do Museu. Tudo muito tecnológico, com experiências sensoriais personalizadas e profundas reflexões. Além do souvenir comprado com gosto, sai de lá mais atenta às minhas ações com o planeta.

    

O Museu contribui com o meio ambiente não apenas com a propagação do que podemos fazer para construir um mundo melhor, mas ele também tem seu papel científico. Universidades brasileiras e instituições internacionais coletam dados em tempo real sobre o tema do Museu. Ah, e toda a energia consumida é solar, ou seja, limpa!

Street Art

Já declarei o meu amor para vocês às artes de rua. Gosto tanto que uso até no layout do canal. Mas vamos lá… O Kobra arrasa nos seus desenhos, não? Adoro os murais coloridos que ele cria e a forma como recria as personalidades. Entre o Museu do Amanhã e o Aquário do Rio, tem um muro bem grande com vários rostos de diferentes origens representando o Brasil. Muito lindo!

   

Não desmereço as obras de outros artistas por ali. Tem vários murais bonitos sobre diferentes temas e estes também são alvos de vários cliques diariamente.

AquaRio

AquaRio é o maior aquário da América do Sul. Assim que entrei nele lembrei instantaneamente do Aquário de Sydney. A estrutura lembra muito a versão australiana pela amplitude, disposição dos ambientes e pela proposta de entretenimento.

Adultos e crianças se divertem muito com a visita, porque tem espaços em que biólogos dão aulas sobre as espécies marinhas. Há um aquário digital em que as pessoas podem criar os seus próprios peixes e até uma exposição de conchas. Cada um dos 28 tanques tem uma explicação básica sobre o que se tem lá dentro e em algumas partes do tour chegam a surpreender pela interação oferecida ao visitante. A cúpula em 180 graus, por exemplo, permite que se coloque a cabeça para ver os peixes bem de perto. Tem também o túnel transparente em que arraias, outras espécies de peixes e até tubarões desfilam bem pertinho da gente. Esta, por sinal, é a parte mais esperada da visita.

O AquaRio oferece também outras experiências especiais, como: jantar no aquário (algo muito solicitado por empresas e casais), conhecer os bastidores e o trabalho dos biólogos para manter a beleza do espaço e saúde dos peixes. É até possível passar uma noite por lá. Se você se interessar pela possibilidade de realizar algum destes passeios, veja AQUI ou acesse ao site do aquário.

       

Museu de Arte do Rio

Se compararmos o Museu de Arte do Rio com o Museu do Amanhã, não tem nada a ver. O Museu de Arte é um típico modelo de ‘‘primeira geração’’, em que a proposta é relembrar o passado, a história natural e o surgimento da civilização. Lá ocorrem muitas exposições que exploram os fatos políticos do passado, a arte e cultura provinda dos índios, vestígios dos povos europeus nos brasileiros, etc. Já o Museu do Amanhã, neste sentido, seria de ‘‘terceira geração’’, pois propõe a discussão do futuro, evoca as mudanças e a reflexão.

As exposições no MAR são sempre bem organizadas e além do prédio ter uma vista bem bonita lá de cima, tem também um restaurante delicioso.

5 Dicas essenciais para visitar o Porto Maravilha:

  1. Durante os eventos esportivos, como contei para vocês neste post, conheci muitos lugares pela cidade, como sempre quis. Hoje infelizmente, os riscos de um assalto ou algo pior são grandes pela falta de segurança. Portanto, não saia explorando o centro a partir do Porto Maravilha.
  2. Leve água, um boné, óculos de sol e protetor solar. Qualquer caminhada embaixo do sol do Rio pode te fazer ver miragens no horizonte. Brincadeiras a parte, eu particularmente não aguento 40 graus com o sol ardido na cabeça.
  3. Use roupas confortáveis e tênis, porque se considerar o passeio completo nos pontos indicados acima vai andar bastante.
  4. Dá para pegar o VLT (transporte público) do Porto Maravilha até o metrô Cinelândia de forma rápida e segura.
  5. Se quiser visitar a todos os pontos de forma tranquila, tente ir de dia de semana, porque aos finais de semana tudo fica bem lotado.

Bom passeio e não esqueça de me contar a sua experiência por lá depois! Caso precise de hotéis, veja aqui.

😉

Comente! via Facebook